05/07/2014 14h09

Marcha das Vadias protesta por respeito à mulher em Curitiba

Foto: Vagner Rosario / Futura Press Marcha das Vadias protesta a favor da liberdade da mulher e contra o machismo em Curitiba (PR) neste sábado

Neste sábado, acontece a Marcha das Vadias em Curitiba (PR), um protesto que luta pela liberdade e respeito à mulher. Cerca de 2 mil pessoas confirmaram presença no evento criado no Facebook.

Pela tarde, os protestantes se concentraram na Praça Dezenove de Dezembro da cidade paranaense. As mulheres foram às ruas de sutiã ou com os seios à mostra.

O movimento foi originado no Canadá, porque em 2011, um policial do país afirmou que “as mulheres deveriam evitar se vestir como vadias para não serem vítimas de ataque”. A reação foi imediata, e os protestos das Vadias surgiram em resposta a esse pensamento de que a culpa da agressão sexual é da vítima, que insinua o ataque.

Desde então, foram realizadas diversas Marchas das Vadias no Brasil. O movimento luta pelo fim da violência doméstica e preconceitos machistas. O nome “vadia” é usado pelo movimento justamente pela polêmica que carrega. O grupo usa o lema “se ser livre é ser vadia, então somo todas vadias”. A ideia é que a palavra se torne sinônimo da mulher que luta e que não se cala diante da violência.

Terra

COMENTÁRIOS

Usando sua conta do Facebook para comentar, você estará sujeito aos termos de uso e politicas de privacidade do Facebook. Seu nome no Facebook, Foto e outras informações pessoais que você deixou como públicas irão aparecer no seu comentário e poderão ser usadas nas plataformas do iFato.