08/06/2017 11h34

Polícia localiza cabeças de irmãs carbonizadas na fronteira com MS

Veículo totalmente destruído pelas chamas. Foto: Porã News

Foram encontradas na manhã de hoje (8) as cabeças das duas irmãs paraguaias sequestradas, assassinadas e queimadas em Pedro Juan Caballero, cidade paraguaia vizinha de Ponta Porã (MS), a 323 km de Campo Grande.

Separadas dos corpos com uma motosserra e um facão, as cabeças estavam enroladas em saco de plástico preto e jogadas na mata, nas proximidades do local onde os corpos foram carbonizados dentro de uma caminhonete Ford Ranger.

Fabiana Aguayo Baez, 23, e Adriana Aguayo Baez, 28, foram sequestradas na tarde de ontem (7) no bairro Obreiro, em Pedro Juan Caballero. Elas estavam em casa quando homens armados e encapuzados chegaram em caminhonetes, invadiram o local, mataram o cachorro com três tiros de pistola 9 mm e levaram as irmãs.

Na residência os policiais paraguaios encontraram uma caminhonete Toyota Hilux e dentro um pacote de maconha, o que levanta a suspeita de ligação das vítimas com tráfico de drogas.

Na madrugada de hoje, uma caminhonete Ford Ranger foi encontrada em chamas em uma estrada de terra de Pedro Juan Caballero, a 10 km da cidade, como mostra o vídeo abaixo. Os corpos sem cabeça foram carbonizados na carroceria da caminhonete.

A polícia paraguaia investiga se as mortes foram encomendadas pelo ex-marido de Fabiana, identificado como Juliano Pereira, 39, que está preso em Campo Grande. Ele não teria aceitado o fim do relacionamento, há 15 dias.

Ainda conforme as investigações, após o término ele teria feito várias ameaças de morte à jovem, mesmo de dentro da prisão.

Por Helio de Freitas, do Campo Grande News

COMENTÁRIOS

Usando sua conta do Facebook para comentar, você estará sujeito aos termos de uso e politicas de privacidade do Facebook. Seu nome no Facebook, Foto e outras informações pessoais que você deixou como públicas irão aparecer no seu comentário e poderão ser usadas nas plataformas do iFato.