28/11/2017 10h58

Deputados aprovam reforma da previdência em MS

Servidores pressionam deputados durante a votação. Foto: Victor Chileno

Deputados estaduais aprovaram há pouco em segunda votação o projeto de lei 253/2017 que autoriza a reforma da previdência em Mato Grosso do Sul. A proposta teve o sim de 13 parlamentares e sete se posicionaram contrários.

A sessão foi marcada pelo protesto dos servidores públicos que desde a segunda-feira (27) ocupavam as imediações da Assembleia Legislativa. Pela manhã, foi solicitado o reforço policial da Tropa de Choque da PM.

Momentos antes de se iniciar a sessão, houve tumulto e vidros quebrados na Casa de Leis.

Os policiais militares precisaram revidar utilizando bombas de efeito moral contra os mais exaltados. Dentro do plenário a entrada foi limitada e o reforço de segurança continuou.

Durante a votação, os parlamentares que se posicionaram favoráveis à medida foram vaiados e alvo de protestos.

Na quinta-feira passada a sessão chegou a ser suspensa e a segunda votação da proposta do Executivo não chegou a ser votada. Desde ontem o funcionalismo público tem pressionado os deputados para que o projeto não seja votado antes de ser melhor debatido.

O governo do Estado alega a necessidade da reformulação para que haja equilíbrio nas contas.

Os manifestantes são contrários ao projeto que eleva a contribuição da Previdência. Mas o ponto que gera maior discordância é a fusão dos dois fundos previdenciários existentes – um deficitário e o outro superavitário em R$ 400 milhões.

Do Dourados News

COMENTÁRIOS

Usando sua conta do Facebook para comentar, você estará sujeito aos termos de uso e politicas de privacidade do Facebook. Seu nome no Facebook, Foto e outras informações pessoais que você deixou como públicas irão aparecer no seu comentário e poderão ser usadas nas plataformas do iFato.