06/10/2017 08h49

Imóveis e R$ 115 milhões da JBS são bloqueados pela Justiça

Foi acatado pela Justiça o pedido da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, que investiga benefícios fiscais do governo estadual à JBS. Com a medida, houve a determinação pelo bloqueio de bens da empresa em R$ 115 milhões em valores, além de todos os imóveis da empresa existentes no Estado.

Conforme o Campo Grande News, a 1ª Vara de Direitos Difusos, Coletivos e Individuais de Campo Grande, do juiz Alexandre Antunes da Silva, confirmou o bloqueio sem especificar valores.

No entanto, no fim de setembro, o grupo de investigação protocolou pedido de bloqueio de R$ 115 milhões por ela não ter cumprido os investimentos nas oito unidades do Estado: duas em Campo Grande, além de Coxim, Nova Andradina, Sidrolândia, Cassilândia, Ponta Porã e Naviraí.

Ainda conforme o site, a empresa deveria investir R$ 285 milhões nas oito unidades, no entanto antes das visitas marcadas pela CPI, a JBS enviou comunicados reconhecendo que não havia cumprido tais organizações, se tornando para os deputados, " ré confessa".

Neste termo de acordo firmado em 2016, foi concedido à empresa R$ 99 milhões em incentivos fiscais, que ela deixou de pagar em impostos.

A CPI entrou com outro pedido de bloqueio de R$ 130 milhões em função de enviar notas fiscais repetidas para ter acesso a redução de ICMS.

Do Dourados News

COMENTÁRIOS

Usando sua conta do Facebook para comentar, você estará sujeito aos termos de uso e politicas de privacidade do Facebook. Seu nome no Facebook, Foto e outras informações pessoais que você deixou como públicas irão aparecer no seu comentário e poderão ser usadas nas plataformas do iFato.