06/08/2017 23h15

Mandetta é o único deputado de MS que votou contra Dilma, Cunha e Temer

O deputado federal Luiz Henrique Mandetta (DEM), foi o único representante da bancada sul-mato-grossense na Câmara dos Deputados a votar favoravelmente pela cassação e/ou afastamento de Dilma Rousseff (PT), Eduardo Cunha (PMDB) e Michel Temer (PMDB).

Dos oitos deputados federais por Mato Grosso do Sul, o democrata é um dos 108 parlamentares da Câmara que aparecem em um levantamento feito pelo jornalista Josias de Souza, e publicado em seu blog. O que representa 21% do total de 513 deputados.

Mandetta foi favorável ao impeachment de Dilma, sob argumento das pedaladas fiscais; votou sim pela cassação do mandato de deputado federal de Eduardo Cunha, acusado de receber propina e omitir contas bancarias na europa, e foi contrário ao parecer que impedia a investigação contra Temer pelo crime de corrupção passiva.

No levantamento, publicado no Blog do Josias, a lista é chamada de ‘suprapartidária’, já que nela constam nome de diversos partidos, incluindo do próprio PMDB, que registrou na legenda parlamentares contrários a Temer.

O partido com maior número de citados na relação é o PSDB, que liberou os membros para votarem favoráveis à denúncia contra Temer, na última quarta-feira (2).

O deputado Mandetta não foi encontrado pela reportagem, neste domingo (6), para comentar o assunto.

Por Ludyney Moura, do Midiamax

COMENTÁRIOS

Usando sua conta do Facebook para comentar, você estará sujeito aos termos de uso e politicas de privacidade do Facebook. Seu nome no Facebook, Foto e outras informações pessoais que você deixou como públicas irão aparecer no seu comentário e poderão ser usadas nas plataformas do iFato.