01/08/2017 15h54

IBGE inicia em outubro amplo levantamento das atividades rurais de MS

Colheita em MS; atividades rurais serão objeto de censo do IBGE (Foto: Campo Grande News)

Amplo diagnóstico das atividades rurais será realizado a partir de outubro pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) em Mato Grosso do Sul. Os resultados, que serão levantados durante cinco meses, irão compor o Censo Nacional Agro 2017.

Na manhã desta terça-feira (dia 1º), foi realizada a primeira reunião de trabalho da Comissão Municipal de Geografia e Estatística do Instituto para tratar sobre o assunto. O encontro ocorreu no auditório da Casa Rural, na sede da Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de MS ), em Campo Grande.

De acordo com a assessoria da Famasul, a equipe do IBGE apresentou as linhas de ações do Censo, que têm início no dia 1º de outubro e será realizado por 27 mil profissionais em todo o País. O levantamento atualizará informações diversas, como número de domicílios rurais, tipos de atividade, custos de produção e identificação de estradas utilizadas para escoamento da produção, entre outos dados.

Na avaliação do superintendente da unidade regional do IBGE, Mário Alexandre Frazeto, a pesquisa será fundamental para identificar mudanças no complexo agropecuário. Ele usou como exemplo Campo Grande. “Desde o último censo, a área rural do município aumentou de 720 mil para 780 mil hectares. Com treinamento e tecnologia utilizada pelo Instituto poderemos estabelecer as peculiaridades de cada região”, detalha.


Para efetivar as ações do censo, foram criadas comissões municipais. “Queremos reforçar a importância do censo para os produtores rurais, informar sobre como e quando será feito o trabalho de campo e solicitar o apoio dos grupos na divulgação da pesquisa que tem caráter nacional”, disse a coordenadora nacional, Luciana Prazeres, ao falar sobre a importância dos grupos locais.

Durante o processo de desenvolvimento do censo, serão realizadas duas reuniões, uma em novembro, quando serão apresentados dados preliminares e, em fevereiro de 2018, data limite para finalizar a pesquisa.

Por Osvaldo Júnior, do Campo Grande News

COMENTÁRIOS

Usando sua conta do Facebook para comentar, você estará sujeito aos termos de uso e politicas de privacidade do Facebook. Seu nome no Facebook, Foto e outras informações pessoais que você deixou como públicas irão aparecer no seu comentário e poderão ser usadas nas plataformas do iFato.