23/06/2017 07h34

Saiba onde começa o vazio sanitário contra ferrugem da soja

O mês de Junho marca o início do chamado “vazio sanitário” para cinco estados brasileiros: Roraima, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, São Paulo e Paraná. De acordo com a Embrapa, esses estados só poderão plantar a nova safra de soja a partir do próximo dia 15 de setembro.

A medida determina a proibição da semeadura ou a preservação de plantas vivas de soja por períodos que variam de 60 a até 90 dias. O objetivo é atrasar a chegada da ferrugem asiática por reduzir a sobrevivência do fungo Phakopsora pachyrhizi durante a entressafra, eliminando hospedeiros e assim quebrando o ciclo de vida da praga.

Segundo a Embrapa, a redução do número de aplicações de fungicidas reduz a pressão de seleção sobre a população do fungo – que já está menos sensível a produtos inibidores da desmetilação (IDM ou “triazóis”) e aos inibidores de quinona externa (IQo ou “estrobilurinas”). Como os inibidores da succinato desidrogenase (ISDH ou “carboxamidas”) ainda mantêm eficiência, a redução da pressão de seleção visa atrasar o aparecimento de populações menos sensíveis a esse modo de ação.

Ao todo, nada menos que onze unidades da federação adotam o vazio sanitário. Em julho será a vez de Tocantins, Pará, Goiás, Distrito Federal e Minas Gerais. Enquanto em agosto inicia esse período nos estados do Maranhão e Bahia. Confira o calendário completo:


Imagem créditos: AgrolinkFito

Por Leonardo Gottems, do Agrolink

COMENTÁRIOS

Usando sua conta do Facebook para comentar, você estará sujeito aos termos de uso e politicas de privacidade do Facebook. Seu nome no Facebook, Foto e outras informações pessoais que você deixou como públicas irão aparecer no seu comentário e poderão ser usadas nas plataformas do iFato.